Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > São João movimenta o turismo de mais três cidades nordestinas
Início do conteúdo da página
Especial

São João movimenta o turismo de mais três cidades nordestinas

Festejos juninos em Petrolina (PE), São Luís (MA) e Aracaju (SE) vão reunir mais de 1,7 milhão de pessoas

  • Publicado: Sexta, 17 de Junho de 2016, 09h27
  • Última atualização em Quinta, 23 de Junho de 2016, 10h47

 Por Pedro Fideles


São João de São Luis (MA). Foto: Ricardo Rollo

O mês de junho começou e com ele várias cidades de todo o país começaram os seus festejos de São João. Caruaru (PE), Campina Grande (PB), Mossoró (RN) e Maracanaú (CE) já estão em festa e a partir desta quinta-feira (17) mais três cidades nordestinas iniciam os festejos – Petrolina, em Pernambuco, São Luís, a capital do Maranhão, e Aracaju (SE).

O São João em Petrolina se estenderá até o dia 25 de junho e deve reunir 720 mil moradores e visitantes, além de movimentar mais de R$ 140 milhões na economia local, impulsionando os setores do comércio, transporte, hotelaria, bares e restaurantes, de acordo com a prefeitura da cidade.


São João de São Luis (MA). Foto: Fabrício Cunha

Na capital maranhense, o palco será a Praça Maria Aragão e o Centro Histórico de São Luís, tombado em 1997 pela Unesco, também terá apresentações da cultura junina. A programação do evento é composta por apresentações de danças típicas, como o Bumba meu boi, shows de artistas e bandas de forró. A expectativa é receber 200 mil pessoas durante as celebrações.

Em Aracaju, a Festa de São João terá início neste sábado (18). O evento se estende até o dia 29 de junho e tem como destaque em sua programação os shows das bandas regionais e brincadeiras. São esperadas 840 mil pessoas no período.

SÃO JOÃO DO BRASIL - Em fevereiro deste ano, o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, realizou um evento em Brasília com artistas como Genival Lacerda e Santana o Cantador, onde se comprometeu a buscar recursos para apoiar o evento e transformar o calendário junino em um produto voltado para o turista com o intuito de atrair cada vez mais brasileiros e estrangeiros. O Ministério do Turismo anunciou o apoio de R$ 6,2 milhões para vários festejos do país.

 Acompanhe a série 'São João do Brasil':



registrado em:
Fim do conteúdo da página